Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Artes e Sabores da Maúnça

Realiza se este fim de semana na linda aldeia do Açor concelho de Fundão e Distrito de Castelo Branco,
mais um grande evento que vai certamente levar muita gente dos arredores e não só, a subir aquela parte  da Serra da Gardunha  para assistir  a um dos mais saborosos eventos que se realizam em Portugal.
Ainda recordo o ano de 2009 quando subi até  á aldeia, ainda na companhia da minha mãe, que tinha muitas amigas lá na aldeia e gostava de se deslocar varias vezes  no ano a fazer lhes uma visita




nesta imagem onde estivemos com os amigos era a tasquinha na loja do nosso amigo Manuel João que com a ajuda de outros amigos quis tambem proporcionar aos visitantes  alguns dos petiscos saborosos
que aqui tão bem são confecionados
É tambem nesta altura que se celebra a chegada da castanha , que por estas bandas é de grande qualidade
Hoje a quantidade é inferior que há uns anos atrás muito especialmente derivado aos incendios que assolaram a Gardunha

Escrever sobre este evento e sobretudo desta aldeia situada no alto da serra não se pode esquecer que o que se apresenta nesta festa  é a tipica gastronomia do povo de onde se podem destacar
Os maranhos, , o coelho em azeite, a chanfana e o típico feijão com couve 


 É ao calor das lareiras que as pessoas se reúnem para comer as castanhas, provar doces, licores, aguardente de medronho ou o pão acabado de fazer no forno comunitário. Para ver, sentir e saborear!
nas imagens que se seguem podemos ver o meu amigo José João  a ajudar a esposa  na confeção das deliciosas filhóses do Açor, para além de variados doces   e bebidas caseiras

E depois destas belas imagens carregadas de produtos que nos fazem crescer agua na boca, algumas delas copiadas da bela pagina no facebook dedicada  a este evento,https://www.facebook.com/maunca
podemos ficar com a certeza que se formos ao Açor nesta altura para assistir  a  este evento extraordinario ou mesmo durante todo o ano, vamos poder deliciar nos com estes pitéus que as gentes do Açor tão bem sabem confecionar.
O Açor é uma aldeia que eu conheço bem  e tenho por isso algum conhecimento dos seus costumes, modos de vida das suas gentes que me dão a o prazer de escrever tudo isto

3 comentários:

Anónimo disse...

Se Deus quizer lá estarei no domingo, dando seguimento a anos anteriores. Gente boa e hospitaleira , do melhor que há nas Beiras.
José Dias

Anónimo disse...

Maravilha... de fazer crescer montes de água nas nossas bocas
Maria Costa

Anónimo disse...

essa mocela de arroz umum que delicia ate me estou babando

Alice Pinto