domingo, 11 de janeiro de 2009

Nossos vizinhos e amigos

Em primeiro lugar quero dirigir me ao meu amigo António Assunção, dizendo lhe que me parece que a nossa iniciativa para um convivio de ´Bloguistas da nossa região, me parece que não teve as reações esperadas.
Entretanto continuo a pensar que esta ideia tem pernas para andar.
Cá fico á espera de noticias.

.... Esta é a linda aldeia de Malhada Velha......
Agora quero ainda escrever sobre gentes das nossas aldeias vizinhas
Pela 2ª vez o meu amigo João Gomes da Malhada Velha me incentivou através das fotos que publicou no seu HI5 a escrever sobre o trabalho das gentes da Beira Interior mais concretamente nas abas da Serra da Gardunha
Tal como muita gente da nossa aldeia o João Gomes trata a terra por tu
e faz dela o sustento natural da familia
O João Gomes colheu as suas azeitonas ajudado pela esposa transportou as para o pequeno lagar da aldeia e ele mesmo ajudou a fabricar o azeite
e vou através de imagens explicar todo este processo
e mostrar como s e obtem um purissimo azeite

... colheita da azeitona...



..... aqui vemos ja a zeitona nos panais a ser limpa e preparada para de seguida ser ensacada e levada para o lagar........




Agora podemos apreciar as diversas tarefas dos lagareiros até que o precioso liquido apareça purissimo pronto a ser consumido





A familia Gomes produz ainda para seu consumo proprio quase tudo o que o corpo nescessita.
depois de termos visto como produzem o azeite, podemos ainda acrescentar que faz um bom vinho, produz gostosas batatas,




o feijão é consumido enquanto verde e uma parte seco para guardar e tudo mais o que possam imaginar a ser produzido numa terra bem tratada

..Até o docinho mel o João produz..

Tambem aqui na nossa aldeia de Bogas de Baixo temos algumas familias que como o nosso amigo João Gomes, teem a s suas hortas bem tratadas e embora o nosso antigo lagar esteja em ruinas e nunca mais s e tivesse feito nada para que voltasse a laborar, a nossa terra tambem produz optimo azeite. Qualquer dia pego tambem na HISTORIA DE UMA FAMILIA da nossa terra e mostro vos como em Bogas nada é diferente

7 comentários:

Lourdes Filipe Martinho disse...

Belo registo de alguns trabalhos agrícolas comuns a muitas aldeias do nosso país. Bom trabalho!

Anónimo disse...

Caro amigo Luis, é um prazer ver estas fotos, fas-me recoradar a minha juventude.Mas hoje na minha terra já nada disto se vê, as nossas terras são feitas em sucalcos, as maquinas não entram em muitas delas, as gentes são de idade avançada, (ainda me recordo era eu rapaz já dizia um grande meu amigo com os seus cabelos brancos Antonio a agriculura na nossa terra é a arte de empobrecer alegremente )assim a juventude partio para outras paragens, e hoje agricultura pouca á ou nenhuma---Quanto ao encontro de bloguistas, eu até entendo, a vida está dificil, e pedir aos nossos amigos uma deslucação numa altura de crise, é complicado, não invalida que se não fale, a agua tanto bate na pedra, que faz buraco. Quanto á fóto do Cazal Cimeiro quando for Á minha terra já vou tirar uma foto e colocala ei no blog Por agora um abraço grande.Antonio Assunção - VOZ DO GOULINHO

Teresa Catarino disse...

Caro Luis, enfim consigo o acesso ao blog, os meus links estavam emperrados...e mais uma vez lhe agradeço e parabenizo pela homenagem á nossa querida gente da malhada. Tudo isso faz parte da minha história mesmo aqui no Brasil. A emoção de ver o trabalho do João que se dedica com a familia com tanto amor à terra me enternece e me faz acreditar que nem tudo esta perdido. Que ainda há que se acreditar no poder do ser humano de ser transformador num mundo onde esses valores estão sumindo...Grande abraço e mais uma vez obrigada.

Rica e Bela Serra do Açor disse...

Estas imagens fazem-me Lembrar quando ia à terra dos meus avós pela altura da vindima.

Rica e Bela Serra do Açor

angel disse...

Obrigada pela oportunidade que me destes de conhecer este trabalho típico de sua gente e que onde moro jamais pude apreciar uma vez que aqui não temos oliveiras.
Só este ano vim a conhecê-las quando da minha viagem a Itália.
Sempre tive curiosidade sobre o assunto. Sou consumidora de azeite, principalmente português e italiano. É um produto saudável assim como é também registrar coisas que ainda são feitas como no tempo dos nossos antepassados. Isto é história viva.
Abraço
Angela

sticker disse...

prada bags
prada wallets
prada bag
prada handbag
prada handbags

be disse...

華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,