Terras de Xisto no concelho do Fundão

São 27 as Aldeias do Xisto distribuídas pela Região Centro, num território de enorme beleza que oferece experiências únicas.

Na produção gastronómica, no artesanato, no alojamento e na animação cultural, as Aldeias do Xisto destacam-se pela apresentação de produtos, serviços e profissionais de excelência.

Das coisas da terra fazem-se novos produtos. Um rio faz-se pista de canoagem. Uma floresta faz-se trilho para caminhadas. Uma tradição antiga transforma-se num evento cultural único. Há praias fluviais de água puríssima, monumentos, castelos e museus para ver.

Dá gosto falar com as pessoas e partilhar as suas tradições, artes e histórias.

No concelho do Fundão , as mais conhecidas são a BARROCA,
 Nos anos de 1864 a 1890 a freguesia de Barroca tinha anexada a freguesia de Bodelhão, actualmente denominada Aldeia de S. Francisco de Assis, do concelho da Covilhã. Esta freguesia foi desanexada por decreto de 07/09/1895 e anexada à de Ourondo, do concelho da Covilhã.

 Por decreto de 07/09/1895 foram incluídos nesta freguesia os lugares que foram desanexados da freguesia de Dornelas do Zêzere, do concelho de Pampilhosa da Serra, distrito de Coimbra.

Do seu Património destacam se a Igreja de S. Sebastião (matriz) Capelas da Senhora da Rocha, de S. Romão, do Senhor da Agonia e da Senhora da Nazaré Casa Grande (e capela) Núcleo de gravuras rupestres da Barroca do Zêzere e Trecho do rio Zêzere

JANEIRO DE CIMA



Sem comentários: