Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




quarta-feira, 30 de abril de 2008

Produtores e artesãos na internet

Produtores e artesãos na Internet a partir de amanhã
Quarta-Feira, 30 de Abril de 2008




Portal regional da Cova da Beira


Francisco Cardona

A empresa ConsisPro e a Rude – Associação de Desenvolvimento Rural – criaram, em parceria, o portal regional da Cova da Beira [www.covadabeira.eu] um plataforma de divulgação de artesãos e produtores locais que será apresentada amanhã na I Feira de Actividades Económicas de Belmonte. Na fase inicial, o portal permite a divulgação de informação sobre os agentes económicos, mas poderá evoluir para uma loja on-line criada para cada produtor e artesão. José Carlos Correia, sócio gerente da ConsisPro, disse ao Diário XXI que o objectivo é “incentivar uma dinâmica constante de procura/oferta do que se faz e do que temos, dando a conhecer mais e melhor a Cova da Beira”. O portal, alojado em domínio europeu (.EU) irá conter uma descrição de cada agente económico com contacto pessoal, morada, fotografia, apresentação dos trabalhos ou produtos acompanhado de imagens e fotografias.

DE OLHOS POSTOS NA EUROPA
“Com este projecto estamos a abrir outras portas a quem aqui trabalha”, afirmou José Carlos Correia. A opção pelo domínio europeu .EU em vez do tradicional domínio português .PT para alojar o portal é justificada com o maior potencial do mercado europeu. ”Acreditamos que a procura será maior por parte dos cidadãos europeus do que dos cidadãos nacionais”, acrescentou o sócio gerente da ConsisPro.
O portal vai arrancar com a presença de dois pintores, um marceneiro, um carpinteiro, um artesão de barro e outro de bordados e um produtor de maçãs. As inscrições no portal são gratuitas. As imagens que ilustram o portal resultam de fotografias obtidas pela empresa a partir de trabalhos realizados por crianças que frequentam o ateliê do Centro do Tempo, na Covilhã. A construção da plataforma tecnológica foi financiada por fundos comunitários.



A noticia foi retirada do Diario XXl
as fotos são minhas e dão nos a imagem de um lagar de azeite
Achei a noticia interessante para as gentes das nossas aldeias e resolvi da la a conhecer aos meus conterraneos e leitores