quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Aqui toda a gente é católica (continuação)

Descoberto

Normalmente é sempre a meio do mês de Agosto que se realizam aqui no Descoberto, as festas em honra da Imaculada Conceição
O Descoberto como as aldeias vizinhas fica muito despovoado durante o ano inteiro
já que as suas gentes emigraram para diversos locais  em Portugal e no Estrangeiro,
simplesmente porque aqui não há trabalho e  a vida se torna dificil
Em contra partida  quem tiver o previlégio de poder visitar o Descoberto vai encontar pouca gente mas um povo extraordinário  para além do ar puro da serra  da gardunha com o seu aroma carateristico

Ladeira de Nossa Senhora do Carmo

Está de parabéns a população da Ladeira por poder usufruir de uma vida cheia de ar puro com tudo o que é nescessário para preservar a saúde
Ar puro, água cristalina, produtos biológicos que cada um produz nas suas leiras bem tratadas, para além de usufruirem duma vista maravilhosa sobre o Vale do Zézere
 contou me há tempos um amigo que o adro é em forma de U, só tem adro na frente e dos lados,a parte de tras está fechada á passagem de pessoas.
Fazia-nos grande transtorno quando eramos miúdos, porque quando jogavamos às escondidas,não podiamos passar pela parte de tras da capela.
Investiguei e cheguei á fala com o meu tio Manuel Martins que me contou :A pessoa que cedeu o terreno para fazer a capela pos uma condição; dou o terreno mas não me arrancais a cerejeira que existe no local.
Então os homens numa maquiavélica obra de engenharia encostaram a parede de tras da capela à cerejeira e fizeram a capela dali para a frente.
É por isso que o adro está incompleto.

Açor
Esta é a linda aldeia do Açor, situada no alto da Maunça serra da Gardunha, na freguesia do Castelejo concelho do Fundão
Uma aldeia carregada de tradições pelos seus usos e costumes  as suas gentes e os convivios que promóvem como foi o caso do ultimo evento que foi um êxito mau grado o mau tempo que já se faz  sentir  Mostra de Artes e Sabores de Maunça, ou Festa da Castanha


Capela dos Boxinos  (foto de José Braz)


Como podemos ver na foto seguinte propriedade do Clube dos Boxinos




Realiaram se na aldeia no primeiro domingo de Agosto as grandes festas em honra de Nossa Senhora das Nescessidades
Altura em que muitos Boxinenses espalhados não só por Portugal como pela Europa aproveitam para vis matar saudades da terra  da familia e dos amigos



Maxial da Ladeira
Em Agosto ainda se faz festa em honra da Nª Sra. Da Saúde, dura em média 3 dias, entre outros tem a presença forte dos emigrantes que além da ajuda indispensável, também fazem força para que nem todas as tradições da Aldeia desapareçam.
è sempre uma ótima ocasião para rever e  abraçar a familia  e  os amigos

Sem comentários: