segunda-feira, 3 de março de 2014

Calcorreando terra batida

Estando eu em visita a familiares no Freixial do Campo .- Castelo Branco, resolvi fazer um percurso que embora em muitos locais por terra batida é um percurso carregado de belas paisagens
 
Ribeira do Tripeiro
Logo á saida do Freixial em direção ao Barbaido ao passar pelo sitio do Vale das Barrocas decidi ir dar uma vista de olhos á horta da minha sobrinha e ver como estão as arvores de fruto





Cheguei ao Barbaído onde vinha muitas vezes quando a minha mãe era viva . Ela tinha aqui boas amigas e  uma em especial que também já não está entre nós.
Tive  aqui um cliente industrial  e fabricante de móveis que visitava  varias vezes no ano

<br/>© <a href="http://www.panoramio.com/user/4235758" target="_blank" rel="nofollow">27Maria</a> (<a href="http://www.panoramio.com/photo/32841284" target="_blank" rel="nofollow">Panoramio</a>)
Barbaido
tem nas suas ruas muitas casas de xisto na sua maior parte um pouco abandonadas que mereciam serem restauradas


<br/>© <a href="http://www.panoramio.com/user/535565" target="_blank" rel="nofollow">kawouito</a> (<a href="http://www.panoramio.com/photo/4090685" target="_blank" rel="nofollow">Panoramio</a>)
Barbaido
Daqui resolvi tomar a estrada Municipal que me levaria até á barragem do Tripeiro e acabei por descer um pouco para a esquerda e passar pela Martim Branco
Uma belissima aldeia de Xisto do concelho de Castelo Branco
Aldeia pequena onde tambem reside muito pouca gente muito por culpa das poucas oportunidades de trabalho para a geração mais jovem que se foram espalhando por Portugal e  estrangeiro.
Tem bons acessos a partir da N 112 no cruzamento do Padrão


Martim Branco
Meime em estrada de terra batida e  fui passar mesmo ao lado da barragem do Tripeiro
depois sempre ao longo da ribeira da Almaceda subi pela sua margem esquerda  até ás Rochas de Baixo

Martim Branco
Cheguei então a  Rochas de Baixo onde tenho muitos amigos e tambem daqui guardo grandes e boas recordações



Rochas de Baixo
Quando era colaborador de uma Imobiliaria em Castelo Branco ainda tive por aqui algumas casas a nescessitarem de grandes reparações  em venda. evidentemente que só poderiam interessar a gentes da cidade que por muito pouco dinheiro adquiriam uma casa que depois de restaurada servia para virem passar fins de semana  gozando da paz e sossego da aldeia e conviver com gente com quem dá gosto conversar

Tinha uns amigos que cultivavam muito bem estas terrinhas onde se viam lindas hortas bem cuidadas
Costumavam plantar aqui belas couves portuguesas, cada uma pesava mais de 2 kilos e eu quando passava não perdia aoportunidade de cortar uma para comer com uma boa posta de bacalhau á noite ao jantar

Tive por aqui á beira da estrada alguns bocados de terreno com palheiros em venda Estavam  abandonados e era onde anteriormente se guardavam as alfaias agricolas  a palha  e outros alimentos para os animais

Mas  a coisa mais importante que angariei nestas redondezas foi esta belissima vivenda  já quase a chegar á Almaceda podendo ver se até a sua igreja Matriz lá ao fundo.
Esta vivenda não a consegui vender e nem sei se alguma vez chegou a ser vendida. Ela tem valor mas para o local onde se encontra era demasiado. Foi um amigo que conheci no Algarve onde vivia e só utilizava a casa em tempo de curtas férias, por issoa  queria vender.
Espero que tenha conseguido.
E agora aqui na Almaceda a Freguesia onde nasceu o meu pai resolverei para onde vou seguir na próxima etapa

25 comentários:

Maria Leitao disse...

Eu fui a 1ª pessoa a deixar mensagem se não apareceu é porque foi roubada amigo estou a brincar mas é verdade que vi e ouvi tudo com muito carinho e adorei porque me fez lembrar o tempo dos meus avós que Deus tenha na Sua Santa Glória, o amigo é uma pessoa como eu que ama as suas origens, é estranho porque eu nasci no Fundão e fui viver com os meus pais para a Amadora, casei com um amor da Enxabarda, mas a minha terra são toda a Beira Interior, estou a chorar porque nada mais vai voltar porque o meu marido faleceu há 5 anos mas amo tudo isto de alma e coração, não volte a dizer que ninguem diz nada beijos

Luantes Luis Antunes disse...

Minha querida amiga e conterrânea
Chorar não resolve nada
há que seguir em frente pois a vida continua
São estes pequenos desabafos que nos deixam cada vez com mais saudades dos sitios onde nascemos
Beijos

Anónimo disse...

Vina Salvado Silvestre

Amigo Luís, só agora tive tempo de apreciar o seu passeio. São sítios lindos que deixam saudades de quem por aí nasceu e cresceu. Obrigado por compartir.
Gostei

Anónimo disse...

Armindo Sousa

LINDISSIMOS

MARTIM BRANCO?

Anónimo disse...

Jaime Simões

Revi todas as publicações neste grupo até ao passado dia 27 de Fevereiro.Também construtivamente digo .........que muitas publicações que faço ; não são comentadas.........mas a experiência me continua a ensinar .........e todos os dias aprendo ........por vezes com os que menos esperava.Abraço amigo Luís Godinho.

Luantes Luis Antunes disse...

Amigo Jaime Simões o senhor como eu sabemos que os comentarios são importantes para quem como nós divulga estas lindas imagens de sitios esquecidos. Pois sãio os comentários que nos dão alento para continuar e se for o caso mudar de rumo. Um abraço amigo

Anónimo disse...

Jaime Simões

Gostei de ver a recente visita que fez .Gostei de ver esta casa recuperada........mas outras ao abandono decerto que são sinais de desertificação que há anos luto.Na minha opinião muitas delas ainda não estão registadas no nome dos herdeiros........e eu digo com conhecimento ; não fica barato fazer escritura e registo predial........pois para se poder meter um projecto de reconstrução ,tudo isto terá que estar legal.

Anónimo disse...

Alda Ferreira Morais

Lindas casas

Anónimo disse...

Maria Eduarda Madeira

Que são recantos muito bonitos ,e como este temos tantos e tão esquecidos ainda bem que a gente a partilhar coisas assim

Anónimo disse...

João Barata Oliveira


eu não faço comentários porque não conheço mas gosto

Anónimo disse...

Anabela Antunes

adoro estas casas, gostava muito de ter uma

Anónimo disse...

Maria Leitao


Enfim...amigo estou a par de tudo e agradeço são belos

Anónimo disse...

Isabel Costa


Essas casas sao lindas adorava ter uma

Anónimo disse...

Antonio Silva

Sao Rochas de Baixo aldeias tipicas da zona de Castelo Branco assim como nos temos a aldeia de Almegue numa margem do rio Zezere que pertence a freguesia de Cernache do Bonjardim explorada por turistas Holandeses...?

Anónimo disse...

Maria De Jesus Condesso



A Beira baixa é linda e só quem não conhece não lhe dá valor

Anónimo disse...

Vitor Gomes Gomes

Continue a calcorrear por essas Terras, montes evales e mande mais reportagens... vi e gostei

Luantes Luis Antunes disse...

São todas estas frases simpáticas de amigos e visitantes que me transmitem uma vontade enorme de partilhar e divulgar sitios inóspitos por onde passei neste belo recanto do nosso Portugal
Tive o previlégio de ter calcorreado Portugal de Norte a Sul até pelos locais mais isolados
E é por isso também que tenho vontade de os mostrar a todo o mundo
Obrigado amigas/os continuem a vir pois eu prometo partilhar convosco uma série de locais que a maior parte dos portugueses nem nunca ouviram falar e muito menos visitar
Obrigado a todos

Anónimo disse...

Laurinda Barata

o nosso pais tem tudo de belo ,,mas estão a matá-lo e a vendê-lo,,,aos retalhos temos que por mão naquilo que é de todos e todos devia-mos ser consultados dar ova-lo ..o meu era NÃOoooo

Anónimo disse...

Tina Santos


Eu diria que : a beleza é tanta que "palavras para quê? É Portugal!!!

Anónimo disse...

Dina Carmo

Quando era menina passava férias em Amoreira Fundeira , as casas eram assim e os caminhos eramde terra e em carreiros Gosto e acho lindo Parabens só revela que sentr orgulho nessa abençoada terra.

carlos Marques disse...

Magnifica,Bela Como Sempre BOGAS DE BAIXO MAGNIFICA FOTO Sr. Luis Adoro Esta BELA ALDEIA Um Cantinho Muito Belo De Portugal

Ana Paula Ribeiro disse...

E verdade. Eu não conheço esta zona, mas as minhas raízes são do concelho de Proença a nova. A paisagem e igual a esta e e balsamo para a alma.

Ana Paula Ribeiro disse...

E verdade. Eu não conheço esta zona, mas as minhas raízes são do concelho de Proença a nova. A paisagem e igual a esta e e balsamo para a alma.

Manuel Tomaz disse...

Um belíssimo blogue, mesmo para quem não é destas "paragens", como eu, apreciá-lo-ão com certeza, e acompanhado com a linda música portuguesa, para os que estão longe da Pátria, é uma bênção!
Os meus cumprimentos.

Henrique Joaquim disse...

Como é Linda a minha terra Rochas de Baixo vista do (Penedo)Local dado de onde foi tirada a Foto.
Obrigado Luis Godinho Antunes.por divulgar o que há de Bonito na Beira Baixa