Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

De novo na estrada á espreita de outros encantos

A Sertã já está para trás e estamos a chegar á localidade de Maxial onde antigamente tive um cliente Industrial de madeiras uma atividade com muita força nesta Zona, pois é uma das maiores zonas de Pinhal do nosso País e embora tivessem sido dizimados pelos incendios, restou ainda alguma quantidade para continuar a dar trabalho ás gentes deste local
desta como de todas as outras aldeias da zona do pinhal as paisagens são sempre uma maravilha
Depois de Maxial depressa chegàmos á Cruz de Fundão, o seu nome deve  se certamente por estar um pouco acima da pequena aldeia de Fundão e estar localizada justamente num cruzamento
onde existia e existe mais uma industria de madeiras
Seguindo sempre pela N238 chegámos em poucos minutos á povoação de Troviscal
Uma Freguesia bastante modernizada e talvez um pouco mais pelo turismo, para além de estar numa zona que podemos considerar coração de Portugal, possui para alem de muitos outros melhoramentos uma belissima praia fluvial, que dadoa a distancia a que se encontram do mar é uma ótima opção para dar uns mergulhos.O isolamento, a calma e o contato com a natureza são os encantos desta praia, localizada na ponte do Troviscal, em plena ribeira da Sertã, 
Do Troviscal temos  a sorte de apreciar uma belissima paisagem cheia de pequenas aldeias dispersas no meio dos pinhais  Além é o Carvalhal estou me a lembrar de Fundão, Troviscainho, Dona Maria , Vale do Souto etc etc. na Serra de Alvelos
Continuando passei em Videirinha  Chelinho, Cavalinho e cheguei á aldeia de Mosteiro, continuamos a viajem e passamos ao lado do Pisão, aqui nos Lameirinhos do Pisão existe uma outra grande empresa de materiais de construção 
A estrada acompanha sempre  a ribeira da sertã pela sua margem direita dando nos a oportunidade de podermos apreciar lindos açudes  com belissimas quedas de agua, praias fluviais etc
Seguindo viajem , passo por casal redondo e entro na Vila de Oleiros
Passei por aqui bons momentos nos anos que  tive por cá muitos clientes e amigos
Camara Municipal
 Oleiros é, sem dúvida, o núcleo central da hierarquia porque é ele não só polariza a actividade económica e administrativa do concelho, como também e mais significativo número de equipamentos colectivos e de apoio à actividade sócio-económica.
A sua capacidade de atracção sobre o resto do concelho é manifestamente superior aos restantes aglomerados, porque detém uma posição chave na estrutura posicional de oferta e acesso a bens e serviços, Paralelamente, é o aglomerado de maior volume populacional e urbanístico.
Aqui funciona a secção de finanças 
O Centro de saude  tanto quanto sei funciona nas instalações do Hospital. e porque razão? será que o Hospital Barata Relvas deixou de existir?

Foi assim que conheci este Hospital, já passaram mais de 15 anos, deve ter evoluido muito

Terra de paisagem quase sempre grandiosa, Oleiros dispõe, um pouco por todo o concelho, de imensos locais capazes de proporcionar excelentes panorâmicas
Para além disso tem a meu ver sido bem administrada a nivel da autarquia que ao longo dos ultimos anos soube chamar a atenção para as potencialidades gastronómicas, com a realização de vários eventos
Li esta semana nas páginas do Jornal do Fundão que irá ser criada a Confraria do Cabrito estonado, 
cabrito estonado
Nesse sentido tem havidono terreno um considerável trabalho de recolha de informações, nomeadamente ao nivel da elaboração dos estatutos para a dita confraria e para a qual o Capitão piloto Aviador,António Fernandes, que é natural cá da terra, é um grande entusiasta.
Mas Oleiros é da Terras da Zona do Pinhal e das terras de xisto uma das mais importantes a nivel de tradições tendo sabido manter ao longo dos tempos a sua essência e as suas raizes
Praça da Republica, ao fundo vemos a Igreja Matriz
Em Oleiros existem vários edifícios que se podem englobar no património artístico; Igreja Matriz de Oleiros, Igreja da Misericórdia de Oleiros e todo um conjunto de Igrejas ou Capelas espalhadas pelas aldeias concelho.
Bonjardim: beleza natural
. As formas salientes mais importantes que se levantam na área do concelho são as serras de Alvelos, do Muradal e da Lontreira, fazendo parte do Maciço Central
Muitas mais coisas importantes se poderiam contar sobre esta bela e moderna vila de Oleiros mas deixo vos o endereço de uma outra página onde é possivel ficar muito mais conhecedor Enriqueça os seus conhecimentos aqui
Depois disto resta apenas deixar vos a certeza que volto em breve, vou continuar a viajem até á minha aldeia natal, e ainda não decidi se vou por Alvaro e Pampilhosa da Serra  ou sigo daqui direito ao Estreito e depois Orvalho, amanhã logo se vê, até lá fiquem bem e divirtam se e não esqueça

Como devem calcular, a satisfação de um blogueiro é ver as suas mensagens comentadas

1 comentário:

Anónimo disse...

Não vi nada que não seja verdade. Somente a foto com a legenda do Centro de Saúde não está correcta. Nesse edificio estão as Finanças. O Centro de saúde está inserido no Hospital.
Teresa Caldeira Reis