segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Calcorreando por terras da Beira

Estou de volta á estrada
Para recordar lugares de grande beleza escondidos por estas serras e vales das Beiras Baixa e  Alta.
Acabei a ultima viajem em Loriga e hoje vou seguir estrada subindo a Montanha, a grande e majestosa Serra da Estrela
Igreja Velha- Valezim ( vista das Palheiras)
Aqui podemos ver um promenor da aldeia de Valezim a sua antiga Igreja
Sem passar por Seia segui por outros caminhos, Valezim, Lapa dos Dinheiros, Senhora do Desterro,  e pela Estrada Municipal 513 cheguei á aldeia do Sabugueiro, visitei a Pousada que há muitos anos atrás foi pintada e isolada contra o frio e humidades por produtos fornecidos por mim.



A Pousada pertencia á familia Martinho

depois já na Nacional 339
Esta aldeia situada na rota turistica á serra da Estrela vive essencialmente do pastoreio e do comércio
Aqui podemos encontrar de tudo o que a serra produz para além de vestuario de peles e lã muito quentinhos para colmatar o frio que no inverno a serra nos faz sentir

Deixamos para traz o Sabugueiro e continuamos a subir em direção á Lagoa Comprida.


No entanto neste percurso serra acima passámos ainda pelaAlbufeira da Barragem  lagoa do Curral de onde se pode avistar uma paisagem magnifica, aliás como devem compreender toda a serra é um manancial de paisagens exóticas, tanto no Inverno como no Verão

Vista do interior do paredão da lagoa compridaAo chegarmos ao local deparamo nos com uma autentica feira de vesturaio, queijos, enchidos mel e muitos outros produtos regionais.
Voltando ao asfalto sempre pela Nacional 339 fomos subindo subindo muito devagar para poder desfrutar da paisagem magnifica, vendo se á nossa direita uma grande região da Beira Alta que vai desde Seia até Viseu.
Lagoas da Serra da Estrela 8
Reparando no entanto que ali muito pertinho de nós existem uma série de pequenas barragens de onde podemos destacar a barragem do Serrano e a lagoa escura com as suas águas de um azul carregado e cristalinas

Passámos aqui mesmo á beira da estancia de esqui embora na altura sem neve, neste momento deve estar uma delicia com neve até dizer chega

Mas foi mesmo aqui no Alto da Torre que os vendedores de produtos serranos se aglomeraram em maior quantidade. havendo até já algumas construções que embora rudimentares já dão para abrigar vendedores e compradores em tempo de chuva e neve
E é daqui do Alto da Serra da Estrela  a 2.000 metros de altitude que podemos igualmente deslumbrar nos com esta enorme extensão da Beira Baixa que é a nossa bela e riquissima Cova da Beira.

Bem e depois disto não vamos poder ficar para sempre aqui neste belo recanto de Portugal, teremos que descer a serra até Manteigas ou até á Covilhã, mas essas peripécias irei expo las aqui para todos vós numa outra mensagem que prometo ser breve

Sem comentários: