Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




sábado, 27 de abril de 2013

Santa Clara de Louredo

Embora desconheça muitas coisas sobre o historial desta pequena localidade, merece esta postagem no meu blogue, por ser uma aldeia que conheço perfeitamente, as suas ruas e as suas gentes.
A sua área geográfica é na ordem dos 72 Km2 situada no meio de uma enorme planicie, mesmo ali ás portas de Beja
A sua principal atividade económica é o Comércio, Agricultura e Fabrico de Queijo de Ovelha e Cabra
Esta pequena freguesia do concelho de Beja possui um Centro Cultural e Desportivo,
com diversas modaliddes entre elas como não podia deixar de ser o futebol com a sua equipa, Louredense Futebol Clube
( a Transportadora Rodoviária num dos momentos de descer e recolher utentes para se deslocarem á cidade e do lado esquerdo da foto lá está o restaurante Caturra)

Os Serviços de proximidade encontram se em Beja ali a dois passos, hipermercados, hospital transportes rodoviários e ferroviários e tudo o mais que um comum cidadão nescessita no seu dia a dia
Daqui a Beja os Louredenses têm o previlégio da vinda de um autocarro da Rodoviária para os transportar

Capela ou Igreja de Santa Clara
 Construída no início do século XVI, terá sido alvo de uma campanha de obras em 1733 (conforme inscrição no cruzeiro em frente da igreja), que reformulou a capela-mor, e muito possivelmente a galilé e a fachada, pois estas últimas apresentam elementos de gosto barroco.
Edificada no extremo nascente da aldeia, a igreja destaca-se pela frontaria alva, um pouco desproporcionada, com alpendre de dois arcos e frontão com volutas enroladas.


A razão maior que me levou a fazer esta postagem, foi o fato de há uma dezena ou duas de anos, numa das minhas viajens entre Faro e Castelo Branco, ter trazido os meus pais para passarem uns dias comigo aqui no Algarve, e ao passar Beja lembrámo nos que eram horas de almoço.
                                                               (imagem igogo)
Vai daí volto á esquerda para Santa Clara de Louredo que fica mesmo á beira do IP2 e entramos num típico restaurante de nome o CATURRA que hoje e segundo me informaram, continua no mesmo local embora com outra gerencia. Mais abaixo existe um outro que creio chamar se o Monte do Meio
Escolhi para o meu pai um prato que eu gostava muito e que pensei que fosse também do agrado dele !!!! Lulas recheadas, Vai daí e ao começar a comer ele começou a fazer caretas ao ponto de termos encomendado para ele um outro cardápio.
Enquanto viveu, o meu pai cada vez que passávamos ali ao lado lembrava se sempre Olha ali é o Caturra
Estive há 2 ou 3 dias de passagem por esta bela aldeia e registei as fotos que partilho aqui convosco


4 comentários:

fatima chora disse...

Lindo, SRº Luis obrigada, esta maravilhoso...pena ter estado na minha Aldeia e nao me ter visitado!!
Fatima Chora

Luis Antunes disse...

pois é verdade minha amiga
mas como era dia de trabalho e ainda não eram horas para estar em casa, devia estar no emprego
Como deve saber passo muitas vezes ao longo do ano especialmente no verão por essa estrada e ao passar ao lado da Ambitrena lembro me logo da amiga Fatima Chora

Anónimo disse...

Olá boa tarde as fotos estão lindas mas tem um engano é que o caturra ainda esta no menos sitio mas com outra gerência, e o monte do meio é um bocadinho mais a abaixo, a 1º foto aparece o monte do meio.

Luis Antunes disse...

Agradeço a informação que tratarei de emendar no Blog. quando perguntei pelo Caturra devem ter entendido mal a pergunta ou eu não entendi a resposta e como olhei para o local e não vi o nome, daí a minha informação errada
Vou já repor a verdade