Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




quinta-feira, 28 de junho de 2012

Chegámos a Bogas do Meio

Seguindo a trajectória que iniciámos na Ladeira de Nossa Senhora do Carmo e continuando pelas abas da serra da Gardunha, eis nos chegados a Bogas do Meio, uma pitoresca aldeia  anexa da Freguesia de BOGAS DE CIMA
concelho do FUNDÃO
distrito de CASTELO BRANCO

Passou o São João e á semelhança de outras aldeias vizinhas, tambem em Bogas do Meio se cumpriu a tradição do Mastro de S João
No inicio do Verão há quase sempre a possibilidade da rapaziada desta simpatica aldeia, dar uns mergulhos na sua piscina fluvial abastecida pela ribeira de Bogas
Digo no inicio do Verão porque quem se atrazar pode não encontrar já a água suficiente para se divertir

Um belo passeio pedestre até ao parque de merendas de Nossa Senhora da Peneda, situado lá bem no alto do Penedo Do Barroco

Haja alegria
a juventude de Bogas do Meio e não só, para esquecerem a crise, tocam os bombos para divertir a malta
E cá temos uma belissima imagem de Bogas do Meio vista do alto do Penedo do Barroco , e que nos dá a certeza de estarmos perante uma aldeia inserida numa região de paisagens maravilhosas

PS--As fotos pertencem aos amigos de Bogas do Meio e podem ser consultadas na sua página do FACEBOOK

2 comentários:

Anónimo disse...

Só com muita carolice e tambem amor ás origens, se consegue manter esta ligação com as nossas gentes, o nosso povo
dá para ver que estamos a visualizar imagens de uma região impar deste nosso Portugal
em frente é a nossa meta

Jose Reis disse...

Terra do meu querido Pai