Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




quarta-feira, 11 de abril de 2012

Nas margens do Zêzere (Janeiro de Cima)

Hoje vou fazer uma pequena viagem pelas margens do Rio Zêzere aqui na zona do pinhal Concelho do Fundão (sul) e Pampilhosa da Serra (norte) Com fotos da (Odete Martins) inicio a viajem no Canal um pequeno lugarejo que foi habitado por uma ou duas familias, que se espalharam pela região onde constituiram familias A quinta do Canal fica sobre o rio Zêzere com paisagens magnificas, lugar a merecer uma visita
Esta imagem é suficientemente esclarecedora daquilo que atraz escrevo sobre o Canal Descendo pela margem esquerda do rio que pertence ao concelho do Fundão, avistamos pouco depois Porto de VACAS uma simpatica aldeia na margem direita do rio ladeada de campos e pinheiros pertencente ao concelho da Pampilhosa da Serra
Continuando a descida á beira do Zezere deparamo nos com a bonita e airosa aldeia do Esteiro tambem pertencente ao concelho da Pampilhosa e onde existe a central hidroelétrica da barragem de Santa Luzia e a imagem que se segue dá nos uma visão magnifica do Rio passando ao lado do Esteiro
Administrativamente, a aldeia de Esteiro pertenceu ao antigo concelho de Fajão, extinto em 24 de Outubro de 1855, ano em que foi integrado no de Pampilhosa da Serra. Hoje faz parte da freguesia de Janeiro de Baixo, o Esteiro foi no passado um pequeno lugarejo que evoluiu e aumentou de população com a construção da hidroelétrica
continuando sempre para sul eis nos chegados a Janeiro de Cima, aldeia sobejamente conhecida pelas suas tradições, para além da boa comida, a sua praia fluvial, casas antigas devidamenre recuperadas do Xisto, as suas gentes e as s8uas paisagens
As mulheres de Janeiro de Cima tratando do linho que foi criado nas margens do rio
Imagens das barcas que ainda hoje fazem a travessia do Zezere em Janeiro de Cima, a sua praia fluvial, os seus campos á beira rio sempre bem cultivados e uma antiga casa bem recuperada Para cvonhecer ainda melhor Janeiro de Cima clique sobre o link que aqui vos deixo Imagens de Janeiro Estou mesmo a chegar á minha freguesia Bogas de Baixo, Urgeiro com vistas lindissimas sobre o rio e sobre Janeiro de Baixo é uma pequena anexa de Bogas de Baixo onde a sua ribeira desagua no Zezere
Ribeira de Bogas quase quase a chegar ao seu local de acasalamento com o rio Zezere
A quinta do Lenteiro de um lado da ribeira de Bogas com a quinta do Fojo á vista na margem contrária, quinta essa que me traz belas recordações e que hoje se encontra em ruinas provocadas pelo incendio que assolou estes lugares num passado recente
E hoje fico me por aqui, até ao proximo passeio

2 comentários:

deanceriz disse...

Agradeço a visita.
Saudo o empenho e determinação em valorizar as origens,nunca esquecendo a terra-mãe.

deanceriz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.