terça-feira, 3 de abril de 2012

Bacalhau e cabrito promovidos em festivais na Beira Baixa

Os próximos dias até à Páscoa vão ficar marcado na região da Beira Baixa com diversos festivais gastronómicos, que promoverão desde produtos silvestres simples a pratos mais elaborados com bacalhau ou cabrito.
As iniciativas arrancam neste fim de semana, em Vila de Rei, com o município a organizar até 01 de abril o Festival do Bacalhau e do Azeite, que vai decorrer em seis restaurantes do concelho. Será a quinta edição da iniciativa, com pratos como Bacalhau à Vila de Rei ou Bacalhau à Cobra, servidos na vila e nas aldeias de Relva e Zaboeira. Para além dos pratos principais de tradição local, os restaurantes participantes prometem servir entradas e sobremesas em que o azeite fará a diferença. No último fim de semana do mês (31 de maço e 01 de abril), o festival dos Espargos, Criadilhas e Tortulhos vai animar Alcafozes, em Idanha-a-Nova. Aqueles produtos silvestres e espécies de cogumelos são o pretexto para um certame que acaba por incluir todos os produtos locais, com diversos produtores presentes em bancas e tasquinhas da aldeia. O programa inclui sessões para levar as crianças a descobrir os produtos silvestres e outras para os adultos aprenderem a cozinhar pratos tradicionais, como "Espargos com ovos à Senhora do Almortão". Haverá ainda sessões de cozinha ao vivo em parceria com a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril e a Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova. O recinto será animado em permanência por grupos de música popular e encerrará com a entrega de diversos prémios aos expositores participantes.
Em Oleiros, por entre diversas manifestações religiosas, oito restaurantes participarão no IV Festival Gastronómico do Cabrito Estonado e do Maranho, nos dois fins de semana que antecedem a Páscoa (31 de março e 01, 07 e 08 de abril). O Cabrito Estonado de Oleiros é uma dos pratos do concelho promovidos pelo município com fins turísticos, dado que segue tradições locais "muito específicas" para a confeção. Os maranhos são uma especialidade típica do Pinhal Interior e caracterizam-se por serem "um enchido fresco, recheado com carne de caprinos e alguns produtos do fumeiro, arroz e uma quantidade apreciável de ervas aromáticas, sobretudo hortelã". Tradicionalmente, qualquer um dos dois pratos era confecionado em dias de festa e agora servem de "embaixadores dos produtos endógenos" de Oleiros. @Lusa

Sem comentários: