Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Mais de 400 mil idosos vivem sozinhos

Li hoje uma noticia da redação do Jornal A BOLA que me deixou preocupado e até um pouco indignado porque eu e os meus irmãos nunca deixámos que os nossos pais tivessem sido abandonados a viver sozinhos
O Instituto Nacional de Estatística (INE) revelou esta sexta-feira dados que indicam que mais de 1,2 milhões de idosos vivem sozinhos ou em companhia de outros idosos. 400.964 idosos vivem sozinhos e 804.577 na companhia exclusiva de outras pessoas com 65 ou mais anos, representando cerca de 60 por cento da população idosa a viver nestas condições, de acordo com resultados verificados nos Censos de 2011. Comparando os Censos de 2011 com os de 2001, é possível verificar que nos últimos dez anos houve um aumento de 28 por cento de idosos a viver sós ou em companhia com outros idosos. A GNR identificou em 2011 mais de 15 mil idosos a viver sozinhos ou isolados. Os números serão atualizados no final da segunda operação «Censos Sénior», que decorre até 29 de fevereiro em todo o País. O objetivo é o de atualizar os dados sobre os idosos que vivem sozinhos ou isolados.
Mas ao mesmo tempo sinto algum conforto moral por saber que na minha aldeia Bogas de Baixo há muito tempo que o Centro Social, percorre as anexas da Freguesia, visitando diariamente os nossos idosos, transportando lhes algum carinho e comida para as suas refeições, já que os da Sede de Freguesia se deslocam diariamente Ao Centro Social e Centro de Dia onde podem tomar o pequeno almoço, almoço e jantar, regressando depois as suas casas. Eu próprio comprovei que a comida é de optima qualidade confecionada por Jovens muitissimo competentes. e servindo muito carinhosamente os mais nescessitados. O Lar deve estar em bom ritmo de construção com o intuito de alguns dos utentes poderem ficar a tempo inteiro. Deus queira que isto se possa manter com a comparticipação de muitos jovens e a Junta de Freguesia de Bogas de Baixo para alem da ajuda de outras entidades competentes

2 comentários:

JOse Martins disse...

-Luis, hoje sem sair de casa,dei a volta ao cabeço Sobreira.(Eu gosto de chamar assim).É admirável a forma e a maneira como descreves e apresentas as coisas.Não me canso de ler,ver e rever as imagens,histórias,lendas e casos reais.Luis obrigado.Um abraço.
Jose Martins

Anónimo disse...

Bonjour, je suis contente de voir mon grand père Manuel CUSTODIO en photo

obrigado, Eléonore