sábado, 27 de agosto de 2011

150.000 passagens pelas paginas do blogue


Ao completarmos 5 anos de vida com a carolice que me deu sempre um prazer enorme, chegámos á bonita soma de mais 150.000 visitas ás paginas do blogue.
Talvez este numero tenha ficado áquem do que se esperava, mas vistas bem as coisas e para uma aldeia com os seus pouco mais de 100 habitantes na maior parte do ano, tenho que ficar orgulhoso por a minha terra natal aquela onde passei os meus primeiros anos de vida e onde deixei muitos amigos que nunca mais vi,sendo uma pequena aldeia perdida no coração de Portugal tenha sido vista e ficar conhecida virtualmente por tantos milhares de visitantes.vindos de todo o mundo. Este ciclo de postagens está a chegar ao fim, no entanto sempre que tiver uma história ou uma novidade digna d e registo, cá virei de novo para a partilhar com todos vós
A todos os meu obrigado pela visita e sobretudo pelos vosos comentários



Poderão continuar a acompanhar me clicando aqui ENCANTOS DA NOSSA TERRA

domingo, 7 de agosto de 2011

Jantar convívio

Tive conhecimento atraves de email que se realizou mais um pequeno evento em Bogas de Baixo
Já todos os boguenses devem estar a par do acontecimento, mas de qualquer forma aqui deixo a noticia
Imagem das obras em curso (foto de Fatima Justino)

No Sábado 30 de Julho ultimo, um grupo de jovens de Bogas residentes na Suiça, promoveram a realização de um jantar convivio com a finalidade de angariar fundos para a ajuda na construção do Lar Nossa Senhora das Dores. Cuja festa em seu louvor está a realizar se hoje no dia que publico esta mensagem dia 7 de Agosto.
O jantar foi bastante participado dado que juntou mais ou menos 200 participantes
De certo terá sido um franco convivio entre amigos que é de louvar pela causa a que se propuseram ajudar
Que estes eventos continuem a ter lugar na nossa terra, é sinal que Bogas de Baixo tem vida
(Foto de Fatima Justino)

As Obras no Lar continuam em bom ritmo com a ajuda de todos

Para os promotores endereço os meus parabéns



Comentario do David Roque


Boa Tarde

Antes de mais quero agradecer ao Luis a rápida publicação deste convivio.

Quanto ao convivio em si, realizou-se no passado dia 31 de Julho, no Polidesportivo de Bogas de Baixo e compareceram aproximadamente 200 pessoas, a quem agradeçemos a sua comparência.

De mencionar que toda a logística necessária a esta iniciativa foi providenciada por um dedicado grupo de boguenses radicados na Suiça (tendo, inclusive, oferecido todos os ingredientes necessários ao Jantar), sendo que a verba obtida, 2500€, reverteu inteiramente para a construção do Lar.

Além de ver toda esta gente junta por uma boa causa, foi bonito de ver o convivio entre as nossas gentes.

Os Corpos Sociais do Centro de Dia (e futuro Lar) vêm por este meio agradecer o empenho de quem pensou e organizou esta iniciativa, a todos os que ajudaram a torná-la possível, assim como aos participantes que compartilharam connosco este momento de confraternização.
A todos, o nosso bem haja!

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Continuamos a disfrutar as magnificas paisagens das serras da Pampilhosa

Vamos hoje continuar a percorrer as serras da Pampilhosa num percurso que nos irá levar até Alvaro no concelho de Oleiros, nas margens do Zezere e já fazendo parte da bacia hidrografica do Cabril



Saimos de Bogas de Baixo e não tarda estamos no Orvalho onde apanhamos a estrada da Beira que liga castelo Branco a Coimbra
percorremos poucos Kms e chegámos a Cambas primeira ligação com o rio Zêzere .


Aqui o Zêzere oferece nos imagens agrestes e locais de lazer onde podemos tomar uma grande banhoca na sua praia fluvial
Cambas embora na margem direita do rio pertence ao concelho de Oleiros embora há muitos atraz tenha estado agregada
ao concelho da Pampilhos por causa da extinção do concelho de Oleiros.

Isto durante poucos anos já que o concelho de Oleiros
foi restaurado e cambas voltou ao seio do concelho
Seguimos a estrada da Beira e eis nos a subir a serra passando pelo cruzamento dos Caneiros a seguir o Cruzamento para
o Armadouro e barragem de Santa Luzia


Mais acima encontramos Sancha Moura lá mesmo no alto da serra onde há anos atraz eu tinha um cliente e amigo (O Galvão)
Iniciamos a partir daqui mais uma descida que desta vez chega á Pampilhosa, mas antes lá a seguir á fonte encontramos uma
estrada á esquerda que nos leva aLobatos e Lobatinhos.



Damos um saltinho a Sigmo Samo e depois pelo Sobral Magro de onde podemos avistar um vale enorme que é o Vale do Zezere
Vendo se Alvaro, aldeia que nos servira de meta hoje lá bem no fundo da serra nas margens do Zezere



De Sobral Magro subimos um pouco e vamos apanhar a estrada que parte da Pampilhosa e vai entroncar com N2 entre
Amioso Fundeiro e Alvares

Mas após passarmos perto do aerodromo da Pampilhosa no alto da serra, viramos mais uma vez á esquerda e começamos a
descer em direção ao Zêzere em Alvro onde nos deparamos já com a bacia da barragem do Cabril



Antes de Alvaro passamos ainda pela aldeia Maria Gomes e pela Lomba do Barco até que enfim chegamos ao nosso destino de hoje
A Aldeia de Alvaro cuja ponte ficou muito conhecida por ter ligado os concelhos de Oleiros com a da Pampilhosa e por outro lado
uniu tambem dois distritos Castelo Branco e Coimbra



Em Alvaro que pertence ao concelho de Oleiros, fixou residencia há muitos anos uma familia de Bogas de Baixo,
Salvo erro a familia Manuel Nunes

A aldeia, que já foi Vila, fica empoleirada num cume e alinhada ao longo de uma rua principal, entre o Rio Zêzere e a Ribeira de Alvéolos. É um local maravilhoso de encontro com a natureza, com passado e com o presente. Onde se sente o perfume natural da vegetação endógena, o silêncio da natureza, a calma e a profundidade da vida da aldeia e onde tambem se respiram marcas profundas de história
Província: Beira-baixa
Distrito: Castelo Branco
Concelho: Oleiros
Comarca: Sertã
Arquidiocese: Portalegre
Fronteiras e localização geográfica: A freguesia localiza-se a norte da sede do concelho e faz fronteira com:
Freguesias da Amieira, Oleiros e Sobral, Machio de Cima
Concelhos de Oleiros, Pampilhosa da Serra
Distrito de Coimbra
Alvaro foi recentemente integrada no circuito das Aldeias do Xisto e encontra-se em recuperação com intervenções em monumentos e casas particulares assim como áreas públicas. Algumas das fotos apresentam o antes e depois das intervenções.
Pode consultar o album de fotos em
http://aldeia-de-alvaro.chospitalarios.com/Fotos/Fotos.htm