Recomende este blog

São exactamente as nossas raizes culturais, familiares e sociais que nos distinguem.




terça-feira, 7 de junho de 2011

Bogas de Baixo foi noticia

É tão raro ver na imprensa regional, uma noticia sobre Bogas de Baixo, que fiquei surpreendido ao ver numa anterior edição do Jornal do Fundão algumas frases (poucas) sobre o evento que a Comissão do Centro de Dia levou a efeito com a pretenção de conseguirem alguma ajuda para a construção do Lar Nossa Senhora das Dores.
Este Blogue tambem fez a publicidade possivel ao evento e mais não fez por não ter em mão todos os dados necessários.
Gostaria de ter recebido algumas fotos e outras noticias sobre como decorreu esta iniciativa, mas se não fosse o Luis Roque ter enviado um comentario de agradecimento aos membros da comissão e ter escrito que o evento foi um sucesso e que outro ainda mais bem preparado pode vir a contecer em Bogas, os leitores do blogue e eu próprio que estariamos eventualmente á espera de novidades, não teríamos sabido mesmo nada.
Vejo pouco interesse dos meus conterrâneos em divulgar o que de bom se passa na nossa terra.
Uma aldeia que tem mais de 80 por cento dos seus filhos espalhados por Portugal e pelo mundo, deveria no minimo ir dando noticias.
Há tambem muita gente que não sendo Boguense gostariam de saber o que esta linda aldeia tem merecido dos seus autarcas.
Quem conheceu Bogas como eu e a visita agora, encontra uma enorme diferença, por um lado para melhor, mas por outro para pior.
Quando eu nasci vivia se com dificuldade mas Bogas de Baixo era uma aldeia cheia de vida, com muita gente jovem, muita criança etc etc.
Hoje vive se melhor mas a aldeia encontra se muito desfalcada dos seus habitantes que só veem a Bogas em grande numero no mês de Agosto.
Bogas de Baixo será sempre uma aldeia em que qualquer visitante parta com vontade de voltar
Este Blogue quer continuar a ser um elo de ligação entre todos os Boguenses espalhados pelo mundo
Vão dando noticias

1 comentário:

Lourdes disse...

Olá Luís
Bom trabalho!
Continue a divulgar o que se passa na sua aldeia. As pequenas aldeias raramente são notícia na Imprensa, mas nós, usando a net, fazemos a notícia sempre que quisermos. É realmente necessário que alguém o vá informando.
Beijinhos
Lourdes