quinta-feira, 11 de outubro de 2007

FREGUESIAS INVESTEM EM OBRAS



Contando com a Câmara e as seis juntas de freguesia do Pinhal Interior envolvidas, o negócio das energias renováveis com a GENERG – Ventos da Gardunha contempla 300 proprietários agrícolas no total. Souto da Casa, Castelejo, Lavacolhos, Barroca e Bogas de Baixo e Bogas de Cima são as freguesias envolvidas e que ontem assinaram também os protocolos com a GENERG – Ventos da Gardunha, referentes à exploração dos aerogeradores instalados em cada uma. Os documentos prevêem valores variados, sendo as verbas serão usadas em centros de dia, acessibilidades, escolas e prevenção da floresta, entre outros.
Assim, Souto da Casa irá receber 59.820 euros; Lavacolhos 72.339 euros; Castelejo 251.642 euros; Bogas de Cima 353.000 euros; Barroca cerca de 39.000 euros; e Bogas de Baixo pouco mais de 66.000 euros.

Na cerimónia, João Bartolo, representante GENERG – empresa mãe da Ventos da Gardunha – preferiu salientar o compromisso com o ambiente e sustentabilidade do projecto, deixando o desejo de, no futuro, aumentar de forma a abranger também a freguesia de Silvares.


Noticia publicada no DIARIO XXI